PESQUISAR NESTE BLOG:

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Art Spaces 2010 revisitado


Decorre até 29 de Agosto a 5ª bienal internacional de artes plásticas. Este ano com destaque para a homenagem a Lagoa Henriques!

O "Sesimbra Jovem" esteve lá e visitou 3 dos 4 lugares destinados ao evento.

Brevemente deslocar-nos-emos à Fortaleza para completar o ciclo das visitas.

Desde já, sugerimos que para este tipo de eventos, realizados em vários espaços, seja colocado um cartaz à entrada de cada exposição, indicando os locais e os horários! A título de exemplo, veja-se a foto da fachada do "Auditório Conde Ferreira", tirada no mesmo dia e hora da nossa visita. Quem não souber previamente ao que vai, não tem a noção do que ali pode encontrar e visitar. É urgente que ali seja colocado um cartaz aludindo ao evento que ali decorre!

Gostámos mas soube-nos a pouco!

O Concelho tem muitos e bons artistas mas, o espaço destinado aos eventos desta natureza é sempre exíguo! Fica-se por 2 ou 3 obras de meia-dúzia de artistas.

A homenagem ao Mestre Lagoa Henriques passa despercebida!

"Sesimbra faz bem" mas, pode fazer melhor!

Está na hora de abrir os espaços escolares à cultura!

Por outro lado Sesimbra já merece uma "Casa da cultura"!

Fica lançado o repto!

Visitem!

Deixo-vos os horários e algumas fotos!

A Bienal Internacional de Artes Plásticas volta a reunir perto de uma centena de artistas de todo o mundo que apresentam em vários espaços públicos do concelho obras de escultura, cerâmica, pintura, desenho e joalharia. Lagoa Henriques, um dos grandes vultos das artes em Portugal, é homenagea-do durante esta 5.ª edição. Organizada pela Câmara Municipal e pela Casa das Artes de Sesimbra, a Sesimbra Art Spaces já conquistou um lugar de destaque no roteiro das exposições de arte no nosso país, permitindo divulgar estes trabalhos junto de milhares de pessoas e, simultaneamente, valorizar o espaço público do município.

Pintura
• Albino Moura, Ana Correia, Ana Godinho, Ana Maria Malta, Ana Rita Pires, Anabela Marques, António Ratinho, António Moreira, Berta Simões, Conceição Rosa, Denise, Dina de Sousa, Diogo Navarro, Doumar, Eduardo Nascimento, Eunice Lopes, Fernando Infante do Carmo, Francisca Sevilhano, Francisco Oliveira, Gabriela Eufrazia,
H. Mourato, Helena Leitão, Henrique Tigo, Henrique Gabriel, Hugo Tomás, Isabel Jesus Duarte, João Feijó, Joaquim Caeiro, José Raimundo, Júlio Alves, Kim Molinero, Linda de Sousa, Lopes de Sousa, Lucinda Marques, Luís Sousa, Manuel Martinho, Márcio Bahia, Margusta, Marita Vaskov, Mitó, Mónica Nogueira, Nicolau Campos, Niurka Bou, Nuno Quaresma, Patrão Beliz, Pé-Leve, Pedro Oliveira, Pedro Batista, Raonel, Rita Vargas, Roberto Bassani, Sara Vieira, Sónia Coelho, Umbelina Ribeiro, Valery Vaskov, Vítor Alves, Vítor Lages.

Cerâmica
• Brites, Diogo Rosa, Eduarda Filhó, Elsa Gonçalves, Filipe Belo e Sónia Figueiredo, Noémia Cruz, Rinoceronte.

Escultura
• Abílio Febra, Aissa Ikken, Alberto Trindade, Artur Nogueira, Beatriz Cunha, Carlos Bajouca, Carlos Madeira, Carlos Marreiros, David Oliveira, Eduarda Prudêncio, Hélio Oliveira, Fernando Antunes, Hans Varela, Isaías, Janic, João Antero, João Limpinho, Manuel Pinto, Maria José Letras, Maria Karma, Michele Cairic, Moisés Preto Paulo, Mónica Funk, Stefano Becari, Vítor Brotas.

Joalharia
• Bruno Precatado, Cristina Carvalho, Jão Claro.

Desenho
• Carlos Amado, Lagoa Henriques, Luz São Miguel, Manuela Marques, Renato Rodinero, Ruanito.


Castelo de Sesimbra
todos os dias, das 7 às 20h













Biblioteca Municipal de Sesimbra
de terça a sexta, das 9.30 às 19h
sábados, das 10 às 18h





















Auditório Conde de Ferreira, Sesimbra
de segunda a quinta, das 14 às 17.30h
sextas, das 14 às 17.30 e das 21 às 24h
sábados, das 21 às 24h
domingos, das 16 às 19h



















Fortaleza de Santiago
de segunda a quinta, das 14 às 17.30h
sextas, das 14 às 17.30 e das 21 às 24h
sábados, das 21 às 24h
domingos, das 16 às 19h
Av. 25 de Abril (Marginal de Sesimbra)

!!!Fotos a publicar em breve!!!

1 comentário:

Anónimo disse...

Concordo, é preciso sinalizar e divulgar as exposições e outras actividades o mais possível.
De facto a indicação dos horários e a publicidade à porta ou nos edifícios onde elas acontecem é algo básico, não?